Era o que a minha mãe me dava antes de qualquer acontecimento que me deixava mais impaciente e me tirava o sono. Há alturas que bem precisava que ela abrisse de novo o frasco e me enfiasse umas colheradas dessa água boca abaixo. Era remédio santo.

08
Fev 13

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



... o cheiro do Tejo ao fim do dia.

  

publicado por obosmois às 18:17
 O que é? |  O que é? | favorito

Fevereiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28


arquivos
2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO